• Bianca

Leonora Áquilla e Chico Campadello oficializam a união em cerimônia emocionante, lindíssima e exclus


(Foto: Reprodução / Ego)


A cerimônia de casamento de Leonora Áquilla e Chico Campadello aconteceu na noite dessa quarta-feira, 8, em São Paulo, em um grandioso evento. Começando pelos números da festa, com cerca de 500 convidados e o orçamento que ultrapassou R$700 mil. A cerimônia contou com diversos diferenciais, teve o noivo chegando em um comboio de carros antigos, as alianças sendo levadas por uma bailarina, e diversas outras atrações durante o evento.



Além de, claro, dos famosos presentes como Viviane Araújo, as cantoras Pepe e nenem, a atriz Robertha Portella, Karina Bacchi, Soniã Abraão, Leão Lobo, Silvetty Montilla, Dicésar, Walério Araújo, entre muitos outros …


(Foto: Reprodução / Ego)

(Foto: Reprodução / Ego)

(Foto: Reprodução / Ego)

(Foto: Reprodução / Ego)

(Foto: Reprodução / Ego)

(Foto: Reprodução / Ego)

Sobre a decoração da carimônia real estava tudo impecável, sem exageros, em uma decoração chique e discreta, apesar de muitos detalhes em dourado e do tema: realeza.


O ambiente da festa estava com o mesmo aroma que continha nos convites do casal, um perfume feito exclusivamente para eles.


(Foto: Reprodução / Ego)


O noivo entrou no altar segurando uma caveira dourada. Mas tem um sentido. "Sempre adorei caveiras. As pessoas acham que significa algo ruim, mas ao contrário, é símbolo da igualdade. Porque somos todos iguais aqui", declarou.


A surpresa começou logo no início do evento, quando Léo resolveu entrar para o altar soltando a voz ao som de “I walk alone” de Tarja Turunen. Chico se emocionou muito e também cantarolou junto com a noiva a a canção.


(Foto: Reprodução / Ego)


Outro momento surpreende da cerimônia foi a entrada das alianças, levadas por uma bailarina ao som de "Ave Maria", cantada por Markinhos Moura. "Pedi que fosse uma bailarina negra e que ela não alisasse o cabelo. Queria mostrar, além da diversidade de gênero, a diversidade de raças", explicou Léo.